Buscar

Briefing – Principais erros

Você sabe o que significa briefing e qual a sua importância para campanhas e ações de marketing? Nesse post vamos te explicar. Confira!



Realizar um briefing faz com que as etapas a seguir se tornem estruturadas e aumentam as chances de sucesso da sua campanha, sejam elas para lançamento de produtos ou divulgação de marca.


Trata-se de uma das ferramentas de marketing e publicidade mais importantes. Ela é o primeiro passo para que tudo saia como o planejado.


Este documento é um conjunto de informações direcionado aos departamentos internos de uma agência para conduzir as demandas de um cliente.


No modelo tradicional de fluxo de trabalho de agências, o atendimento publicitário é o responsável pela sua confecção. Neste documento estão todas as diretrizes e as instruções para a produção do job. 


Ele não é apenas um rascunho, um rabisco, como muitas pessoas podem pensar. Um documento bem feito contém todas as informações possíveis do cliente e do trabalho a ser realizado. Ele deve servir como uma coleta de dados sobre um cliente. 


FONTE: http://bit.ly/32dZl2D


Quais informações são necessárias para que um briefing seja eficiente?


  • Detalhes sobre o produto ou serviço;

  • Mercado em que atua;

  • Perfil do consumidor;

  • Objetivos da empresa;

  • Objetivos do cliente;

  • Informações sobre os concorrentes;

  • Definição de cronograma;

  • Definição de orçamento.

É essencial que essa ferramenta seja o mais sucinta possível e contenha apenas as informações que realmente serão usadas.


Qual a importância do briefing?


Organização

Ter organização no momento do planejamento de um projeto é fundamental e o briefing é responsável por isso.


Nele está reunido as informações mais relevantes para o desenvolvimento e conclusão desse trabalho com excelência.


Assertividade

Quando você entende e conhece mais sobre a empresa, mercado, público-alvo e objetivos do cliente, é possível ser mais assertivo nas tomadas de decisões e alcançar os resultados pretendidos.


Com isso, o briefing se torna ainda mais importante, pois assim é possível suprir as expectativas de maneira mais precisa.


Direcionamento

Este documento servirá como um guia para todo o desenvolvimento do projeto. É importante para direcionar as ações e evitar que os envolvidos na execução se percam no meio do caminho .


Inspiração

Quando a sua equipe não conhece a história do seu cliente e o que ele pretende com a sua empresa, geralmente, a produção ficará estagnada.


Produzir somente para apresentar um trabalho ao cliente é um erro que você jamais pode cometer.


Não tente desenvolver um conteúdo buscando a aprovação do cliente “na sorte”.


Com a ajuda de um briefing, esse hábito não fará mais parte da sua rotina

As informações transmitidas pelo cliente são as melhores fontes para que você busque inspiração para executar o seu trabalho e criar os melhores conteúdos.


Principais erros cometidos ao desenvolver um briefing


Documento extenso

Criar um documento extenso é um dos principais erros cometidos no momento de desenvolver um briefing.


Além de se tornar cansativo, ele acaba abrangendo muitas informações, não sendo específico e objetivo no projeto.


Não realizar análise de concorrentes

Não realizar uma análise de concorrentes faz com que você não enxergue qual será o diferencial necessário para se tornar o melhor no mercado.


Defina os principais concorrentes da sua empresa, diretos e indiretos, seus principais produtos e serviços e faça uma comparação com os que você tem a oferecer para o consumidor.


Com isso, você tem em mãos a oportunidade de tentar fazer diferente, mostrando que o seu produto tem melhores benefícios para os clientes.


Não leve para o lado pessoal

Dar sua opinião é sim muito válido e bem-vindo. Mas procure dar essa opinião livre dos seus gostos pessoais. Nem sempre a cor que você gosta ou o tipo de mídia que você prefere é o que o seu cliente precisa.


Não fique preso à contagem de palavras

Um bom briefing não deve ser muito longo (cansativo, com informações desnecessárias) nem curto demais (faltando informações). Deve ser relevante, claro e objetivo.


FONTE: http://bit.ly/2kfJLmR


Exemplos de questionamentos feitos no momento da reunião de briefing com o cliente


  • Quem fabrica o produto?

  • Como o produto é feito?

  • Como o produto é vendido?

  • Qual é o principal benefício do produto?

  • Como era feita a propaganda da empresa?

  • Como é a propaganda dos concorrentes?

  • Quem são os consumidores dos produtos?



Gostou das dicas? No blog da Promopress você encontra outros artigos que podem ajudar no seu dia-a-dia empresarial.


Acesse www.promopress.com.br e confira!

0 visualização
FALE CONOSCO
Gráfica Promopress
Av. Guilherme Cotching, 610
Vila Maria - São Paulo – SP - CEP: 02113-010
Reclamações, Sugestões ou Dúvidas, favor entrar em contato com nosso SAC pelo e-mail: sac@promopress.com.br
  • Facebook
  • Instagram
  • Ícone cinza LinkedIn
  • Cinza ícone do YouTube
Logo-Promopress.png