Buscar

5 passos para controlar o estresse no trabalho

O ano é 2020, as pessoas estão cada vez mais ansiosas, entrando em estado de depressão, e o motivo é só um: estresse no trabalho.

Pode não parecer, mas esse é um dos maiores problemas da atualidade, responsável por inúmeras patologias.


De acordo com a Previdência Social, o stress, até o presente momento, é a terceira maior causa que afasta os funcionários do ambiente de trabalho.


A estimativa é que até o final da década esse esgotamento físico ou emocional seja o principal motivo para afastamentos e faltas dentro de uma empresa.


Como as organizações estão buscando cada vez mais por profissionais que possam trabalhar inúmeras horas seguidas, esse número tende a aumentar.


Por que cumprir as metas de maneira ousada e agressiva passou a ser uma obrigação do funcionário, apontam as pesquisas.


Mas seria apenas esse o motivo responsável pelo estresse no trabalho?


Nosso artigo de hoje vai responder essa questão e tantas outras a respeito desse assunto, além de apontar alguns passos que ajudarão a controlar essa patologia.


O estresse no trabalho em números


Em 2013, uma empresa especializada em recrutamento e seleção, chamada Robert Half, realizou uma pesquisa em 13 países, onde os resultados chamam bastante atenção.


Segundo o levantamento, os brasileiros são os que mais sofrem com estresse no trabalho.


  • 42% dos profissionais são estressados por conta do emprego;

  • A média dos demais países é de 11%;

  • 44% do resultado se dá pela falta de reconhecimento pelo desempenho das funções;

  • O excesso de trabalho é responsável por 52% da amostra.

Levando em consideração o fator reconhecimento por múltiplas funções, vemos claramente que há uma contradição.


Segundo Marcela Esteves, gerente da divisão de finanças e contabilidade da Robert Half, as companhias precisam equilibrar essa equação.


Para encarar esse problema:


  • Mais de 50% das empresas acreditam que precisam reestruturar as tarefas e funções de trabalho;

  • 60% das organizações apostam no trabalho em equipe como uma possível solução.

Fases do estresse


De acordo com estudos, o estresse pode ser classificado em três fases:


Alerta: é quando o stress pode ser considerado positivo, o que estimula o prestador de serviços a agir efetivamente, gerar resultados e crescer na carreira.


Resistência: fase em que o stress se manifesta fisicamente, afetando o corpo.


Esgotamento: é quando os sinais de depressão são percebidos fortemente, assim como o desinteresse pela vida e cansaço crônico.


Sintomas de estresse no trabalho


Você pode até não se dá conta, mas o esgotamento físico e emocional apresenta vários sinais que vale a pena ficar de olho.


  • Perda de interesse no trabalho;

  • Falha de memória;

  • Desmotivação;

  • Irritabilidade acima do normal;

  • Dificuldade para manter a concentração;

  • Insônia;

  • Sensação de desgaste ao acordar;

  • Depressão;

  • Excesso de ansiedade;

  • Fadiga;

  • Isolamento social.


Além disso, ainda existem algumas causas comuns de stress no ambiente de trabalho:


  1. Tensão gerada por conta das crescentes expectativas;

  2. Pavor em ser demitido;

  3. Excesso de horas extras por conta dos cortes de pessoa.

Todos esses fatores acarretam uma série de problemas de saúde, como é o caso de:


  • Gastrite

  • Dor no estômago

  • Dores de cabeça

  • Pressão alta

  • Vulnerabilidade do sistema imunológico

  • Problemas respiratórios

  • Taquicardia


Quanta coisa, não é mesmo? Não parece, mas o estresse no trabalho é um problema grave que precisa ser levado a sério!


E os resultados para a empresa?


Não são os mais satisfatórios, caro leitor! Um funcionário estressado tende a apresentar resultados negativos para a empresa.


Dentre eles:


  • Ausência no trabalho;

  • Queda na produtividade;

  • Conflito entre os outros colaboradores da equipe;

  • Acréscimo no número de erros.


Ressaltando que essas são apenas algumas consequências decorrentes do estresse no trabalho.


Mas não entre em desespero, porque é possível combater o stress de maneira saudável e sem sofrimento.


#Não seja multitarefa

Sem sombra de dúvidas, se sobrecarregar com tarefas é um dos fatores que gera muito estresse no trabalho.


Não é possível fazer tudo bem feito ao mesmo tempo, e você sabe bem disso! Por isso, vá com calma, faça as tarefas dentro do seu limite.

Organize os seus afazeres, priorize os mais importantes para o momento e execute-os de maneira efetiva.


Não tente carregar o mundo nas costas, porque além de pesado, você não terá boas experiências.


#Identifique as fontes de stress


A melhor maneira de resolver um problema é identifica-lo, não é mesmo?

Um bom jeito de identificar as fontes de estresse no trabalho é analisar as suas atitudes e hábitos.


Muitas vezes, ignoramos os fatores que, de fato, causam o stress.


Por que você pode até se preocupar com os prazos curtos, mas não consegue enxergar que é o seu atraso e não a demanda que gera o seu estresse no trabalho.


#Planeje o seu dia seguinte


A falta de planejamento leva a desorganização, e sem dúvida alguma esse é um tipo de situação extremamente estressante.


Desenvolver atividades aleatórias e sem controle podem causar problemas relacionados ao não cumprimento das metas.

A dica é simples e bastante proveitosa: organize uma lista com as tarefas que serão desempenhadas no dia seguinte!


Isso aliviará a sua mente, deixando-a menos sobrecarregada de tantas informações.


#Evite atrasos

Okay, imprevistos tendem a acontecer no dia a dia, e não tem como prevê-los, mas evite ao máximo chegar atrasado ao trabalho.


Reza a lenda que quando você se atrasa, literalmente, você estraga tudo, porque isso gera desconforto e atrapalha os seus compromissos e atividades do dia.


#Sinta-se bem no ambiente de trabalho

Nós passamos uma grande parcela do dia dentro da empresa, em média de 8h ou até mais, por isso, é muito importante garantir que esse tempo seja o mais agradável.

Manter um bom relacionamento com os colegas de trabalho é fundamental para que o convívio seja leve e descontraído.


É importante que você se sinta bem dentro da empresa onde trabalha, pois assim o seu dia será bem produtivo.


Outras dicas para controlar o estresse no trabalho


  • Aceite o fato de que erros acontecem;

  • Não fique se cobrando o tempo inteiro;

  • Procure se comunicar com os seus superiores e demais colegas de trabalho;

  • Prefira o progresso à perfeição;

  • Cerque-se de pessoas positivas no ambiente de trabalho;

  • Quebre hábitos ruins que contribuem para o estresse no trabalho;

  • Mude seus pensamentos negativos;

  • Conecte-se com outras pessoas no trabalho;

  • Faça pequenas pausas ao longo do dia;

  • Pratique atividades físicas regularmente;

  • Alimente-se de maneira saudável;

  • Evite o perfeccionismo;

  • Durma bem;

  • Tente enxergar a vida sob um ponto de vista mais positivo;

  • Tenha momentos relaxantes com a família e os amigos, afinal, a vida não é só trabalho.

Somente você é responsável pelo seu bem-estar, sendo assim, priorize-o para que as suas metas sejam alcançadas.

Este conteúdo sobre controlar o estresse no trabalho foi útil para você? Conta pra gente aqui nos comentários!

Um abraço,

Equipe Promopress


3 visualizações
FALE CONOSCO
Gráfica Promopress
Av. Guilherme Cotching, 610
Vila Maria - São Paulo – SP - CEP: 02113-010
Reclamações, Sugestões ou Dúvidas, favor entrar em contato com nosso SAC pelo e-mail: sac@promopress.com.br
Ligue agora: 11 3126-3126
  • Facebook
  • Instagram
  • Ícone cinza LinkedIn
  • Cinza ícone do YouTube
Logo-Promopress.png